9 de maio de 2010

Mãe!

Há quem pergunte,que poderes são estes? O de trazer teu mundo num ventre?Haverá quem mais entenda o valor de um sorriso? Ou quem mais se desespere com a lágrima de um filho? Haverá,será,quem também consiga enxergar além dos olhos?Um clarear no escuro.Um estar perto,sem estar junto.O jeito de olhar que diz tudo?Existirá um perfume mais doce,uma voz mais suave,um colo mais protetor? Haverá Senhor?De todas as criações divinas,ser MÃE é a Obra Prima. Projeção do amor,encontro de duas vidas, sem data definida e nem tempo pra acabar.Ser mãe é eternizar. "E naquele instante percebi que meu coração passava a bater fora de mim..." ¬ Patty Vicensotti¬

5 comentários:

  1. Lindíssimo, Patty... Me emociono quando leio algo sobre mãe, certamente sobre a admiração que tenho pela minha, e talvez, por algumas coisas mais...

    Dos textos mais lindos que li, este teu.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. E poucas mulheres, hoje em dia, sabem o que é ser mãe de verdade.

    Lindo o texto!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Lindo :) Como vc e Gui ^^
    Amo (:

    ResponderExcluir
  4. liiiindo!
    *--*
    foto perfeita tb.
    beijos

    ResponderExcluir

Signifique.
Deixe na vida alguma coisa terna.
Eterna.

(Patty Vicensotti)