4 de fevereiro de 2011

Só pra quem tem um desejo impossível agora...



...um nó envolto,transparecendo no rosto;
o adverso entre tua realidade e teu gosto.
Pra você que já não vê graça nessa rotina
e soma frases cansadas,sensações desistimuladas
sobre essa carne tomada pelo que não a basta mais.
Teu sonho expandiu,mais ainda bebe do que te ignora.
Tens medo e nina o apego como um feto que não pediu pra ser.
Então você,com desespero afiado,sente o lado esquerdo do peito
cortado á uma ponta de falta,e alinhava-o ( sem preencher).
E roga os olhos do destino sobre você, por merecer
esse desejo na altura de suas mãos.
(porque se ele vem te ver,tua existência fica grande...)
Só quem tanto quer,sabe dizer quanto dói ter a liberdade
ofegante,nessas duras horas em que viver pede mais:
Pede asas,pra não fincar no vazio e morrer.

Patty Vicensotti






" E de longe tudo está perecendo.Tudo que não está ao teu redor..."






Inspirado no blog: Never Say Never Love

20 comentários:

  1. aiii amei o poema...
    me identifiquei um pouco ;)

    saudadiii daki.. bju.. continua lindo esse lugar!

    ResponderExcluir
  2. Amiga, tornei o blog P.S.:I Love You privado só para amigos. Se quiser contiuar acompanhando, peco que envie o email ao qual vc faz o login na tua conta blogger para paulagesteira@hotmail.com para eu liberar o acesso pra vc!
    Um beijinho! :)

    ResponderExcluir
  3. porque se ele vem te ver,tua existência fica grande...amei ..lindo ..bom final de semana...

    ResponderExcluir
  4. Patricia, estava com saudades daqui, e encontrar um texto tão belo seguido de uma das bandas que mais gosto, O Cranberries, é sensacional. e pelo que vi tu tbm gosta muito, fosse nos shows nos aqui?

    Beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  5. prá mim a vida sempre pede mais... sempre...

    que belíssimo texto...

    beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  6. Volteeeei amiga!
    Estava com saudades daqui!
    Beijos meeus!

    ResponderExcluir
  7. viver pede mais:
    Pede asas,pra não fincar no vazio e morrer.


    E te lendo...me diz Patty, que desejo não se torna possivel???


    Um beijoooooooo!

    ResponderExcluir
  8. Adoro passar por aki tudo sempre mto fofo!

    ResponderExcluir
  9. lindinha! que saudades de tu!

    ah! como sei dessa dor...ela já me visitou tanto...

    beijo!

    ResponderExcluir
  10. Belo o teu texto!
    Todos temos asas, mas apenas alguns ousam alçar o primeiro voo!!!

    Beijos...
    AL

    ResponderExcluir
  11. Oi Patty, vim visitar um dos cantinhos mais bonitos do mundo e encontrei de mim nele: a crença no sonho...
    Lindo poema, sereno, embora profundo; leve, mas forte. Coma dose certa da contradição que embala nossas vidas: viver na realidade nos sonhos.
    Não sei se conhece o grupo O Teatro mágico, mas lendo seu poema lembrei de uma linda canção, que assim como seu doce poema fala com ternura dos sonhos nossos de cada dia:

    O sonho de uma flauta - O teatro mágico

    Nem toda palavra é
    Aquilo que o dicionário diz
    Nem todo pedaço de pedra
    se parece com tijolo ou pedra de giz
    Avião parece passarinho que não sabe bater asa
    Passarinho voando longe parece borboleta
    que fugiu de casa
    Borboleta parece flor que o vento tirou pra dançar
    Flor parece a gente
    Pois somos semente do que ainda virá
    A gente parece formiga lá de cima do avião
    O céu parece um chão de areia
    Parece descanso pra minha oração
    A nuvem parece fumaça
    Tem gente que acha que ela é algodão
    Algodão às vezes é doce
    Mas às vezes é doce não

    Sonho parece verdade
    Quando a gente esquece de acordar
    O dia parece metade quando a gente acorda
    e esquece de levantar
    E o mundo é perfeito

    Eu não pareço meu pai
    Nem pareço com meu irmão
    Sei que toda mãe é santa
    Mas a incerteza trás inspiração
    Tem beijo que parece mordida
    Tem mordida que parece carinho
    Tem carinho que parece briga
    Tem briga que aparece pra trazer sorriso
    Tem sorriso que parece choro
    Tem choro que é por alegria
    Tem dia que parece noite
    E a tristeza parece poesia
    Tem motivo pra viver de novo
    Tem um novo que quer ter motivo
    Tem aquele que parece feio
    Mas o coração nos diz que é o mais bonito
    Descobrir o verdadeiro sentido das coisas
    É que é saber de mais
    Querer saber de mais

    Sonho parece verdade...


    PS: Eu acredito em sonho, acredito, acredito!

    Beijo amiga, até logo...

    ResponderExcluir
  12. Patty, passando pra desejar um lindo fds pra ti :)
    Beijinhossssssssssssssss no seu ♥
    Blog lindão de maisssssssssssssssssss, sempre!!!
    Fica com deus, florzinha!!

    ResponderExcluir
  13. Oi Patricia!

    Pois é, Cranberries é uma das minhas bandas preferidas, ouço desde que me conheço por gente, e fiquei tão feliz quando vi que gostavas!

    Então pra mim ficou fácil eu moro em SP Capital mesmo, teve amigos que foram em todos os dias aqui! Tu mora em que cidade?

    E por falar em música, sou fanático por anos 80. hehe

    Beijocas!

    Obrigado pelo carinho e atenção. admiro muito!

    And i miss you, when you're gone.

    ResponderExcluir
  14. PRA VOCÊ QUE É MAIS PERFEITAS DAS AMIGAS!!! TE ADORO PATTY! BGADOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  15. Oiê Patty, tudo bem flor?
    Que palavras tal qual a imensidão do amar.
    Lindo, deixo-te um beijo bem esmagado na boxexaa!!

    =**

    ResponderExcluir
  16. Bom dia, Patrícia!

    Poxa, que bom que gostou do site, eu gosto de me aprofundar nas artes sabe? mas é de curioso mesmo, nem estudo ou faço cursos, mas me arrisco no pincel. rs

    Poxa, adoro o campo, eu não conheço tua cidade, mas se não me engano já estive perto, é indo pela estrada de Itapetininga, não?

    Eu amo São Paulo, venha um dia a passeio, se tu gosta de eventos culturais e exposições é um prato cheio, vai amar! ainda mais agora que foi re-inaugurada a segunda maior biblioteca do Brasil aqui.

    E vamos falar mais de Cranberries e música sim, é bom saber que você também gosta dos 80! eu sou de 84 e por incrível que pareça lembro de muita coisa.

    Bom, me desculpe fazer dos teus comentários uma carta, eu até procurei teu email aqui, mas não achei. rs

    Tenha um semana abençoada
    Beijos beijos!

    ResponderExcluir
  17. Lindo, adorei!

    olha, passa lá no http://viajapensamentos.blogspot.com que tem um selinho especial para você.

    bjus
    Márcia

    ResponderExcluir
  18. "Tens medo e nina o apego como um feto que não pediu pra ser..."

    O apego é desses que crescem sem que se perceba...quando se nota, já é um velho convicto daquilo que quer...

    ResponderExcluir

Signifique.
Deixe na vida alguma coisa terna.
Eterna.

(Patty Vicensotti)